segunda-feira, 17 de abril de 2017

Apostila Tribunal Superior do Trabalho TST 2017

Apostila Tribunal Superior do Trabalho TST 2017. Material de estudos para o concurso do TST 2017.

Apostila Concurso Tribunal Superior do Trabalho TST 2017

O TST - Tribunal Superior do Trabalho, confirmou a realização de novo concurso público em 2017. Foi definida a comissão do concurso e publicada a dispensa de licitação que permitirá contratar rapidamente a banca FCC - Fundação Carlos Chagas.

Apostila Tribunal Superior do Trabalho TST 2017A remuneração inicial e de R$ 6.180,00 a R$ 10.119,93. Confira aqui o último edital.

O novo certame constará com vagas nas funções de Técnico na área Administrativa, na área de Segurança Judiciária e na área de Programação; e para Analista nas áreas Judiciária, Administrativa, Contabilidade, Análise de Sistemas, Tecnologia da Informação e Taquigrafia.

Último Concurso
O último concurso do TST - Tribunal também ficou a cargo da Fundação Carlos Chagas e contou com 37 vagas efetivas, mais formação de cadastro reserva, para o cargos de Analista Área Judiciária e Administrativa) e Técnicos: Área Administrativa, Segurança Judiciária; e na Área de Programação.

Detalhes concurso TST 2017:
  • Concurso: Tribunal Superior do Trabalho (Concurso TST)
  • Banca organizadora: FCC
  • Cargos: Analista; Técnico
  • Escolaridade: Níveis médio e superior
  • Número de vagas: a definir
  • Remuneração: R$ 7 mil Técnico e R$ 12 mil analista
  • Situação: Edital anunciado
  • Previsão p/ publicação do edital: 2017
Sobre o TST:
O Tribunal Superior do Trabalho (TST) é a instância mais elevada de julgamento para temas envolvendo o direito do trabalho no Brasil.

Consistindo na instância máxima da Justiça Federal especializada do Trabalho brasileiro que por sua vez organiza-se em Tribunais Regionais do Trabalho (TRT) e que por sua vez coordenam as Varas do Trabalho.

É um dos Tribunais Superiores brasileiros, ao lado do Supremo Tribunal Federal (STF), do Superior Tribunal Militar (STM), do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e do Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Comentários
0 Comentários
Nenhum comentário:
Escreva seu comentários

Postagens recomendadas × +