quinta-feira, 14 de setembro de 2017

Apostila TRT 21ª Região 2017 - Técnico Judiciário

Apostila especifica elaborada especialmente para o para o cargo de Técnico Judiciário - Área Administrativa do concurso público do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região / RN 2017 – TRT 21ª Região.



Com 01 vaga + formação de cadastro reserva, com remuneração de R$ 6.376,41 e carga horária de 40 horas semanais. Para concorrer à vaga o candidato deve possuir nível médio.

Conhecimentos Básicos

- Língua Portuguesa
- Noções sobre Direitos das Pessoas com Deficiência
Conhecimentos Específicos
- Noções de Direito Constitucional
- Noções de Direito Administrativo
- Noções de Direito do Trabalho
- Noções de Direito Processual de Trabalho
- Noções de Orçamento Público
- Noções de Administração



O Tribunal Regional do Trabalho do Rio Grande do Norte, torna pública a abertura de Concurso Público com 3 vagas imediatas, além da formação de cadastro de reserva.

Apostila Concurso TRT 21ª Região RN 2017 - clique abaixo:


As oportunidades são para os cargos de Analista Judiciário – Área Judiciária e para Técnico Judiciário – Área Administrativa, com remuneração inicial de até R$ 12 mil.

As inscrições devem ser realizadas entre 10 horas do dia 25 de setembro de 2017 às 14 horas do dia 11 de outubro de 2017, pelo site da Fundação Carlos Chagas (FCC) - www.concursosfcc.com.br. As taxãs são de R$ 80 para técnico e R$ 120 para analista.

As Provas Objetivas e de Redação serão realizadas na cidade de Natal-RN, com previsão de aplicação para o dia 10/12/2017, período matutino, para todos os cargos/áreas.

Analista Judiciário – Área Judiciária
Atribuições: analisar petições e processos, confeccionar minutas de votos, emitir informações e pareceres; proceder a estudos e pesquisas na legislação, na jurisprudência e na doutrina pertinente para fundamentar a análise de processo e emissão de parecer.

Técnico Judiciário – Área Administrativa
Atribuições: prestar apoio técnico e administrativo pertinente às atribuições das unidades organizacionais; executar tarefas de apoio à atividade judiciária; arquivar documentos; efetuar tarefas relacionadas à movimentação e à guarda de processos e documentos; atender ao público interno e externo; classificar e autuar processos; realizar estudos, pesquisas e rotinas administrativas; redigir, digitar e conferir expedientes diversos e executar outras atividades de mesma natureza e grau de complexidade.

Comentários
0 Comentários
Nenhum comentário:
Escreva seu comentários

Postagens recomendadas × +