quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Apostila DPE-SC 2018 Técnico Administrativo

Apostila Concurso DPE-SC 2018 Técnico Administrativo
Garanta já a sua apostila completa e revisada para o concurso público para Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina – DPE-SC 2018, para o cargo de Técnico Administrativo.

comprar apostila DPE-SC 2018 Técnico Administrativo

São 06 vagas + formação de cadastro reserva, com remuneração de R$ 2.400,00 e carga horária de 40 horas semanais. Para concorrer à vaga o candidato deve possuir nível médio.

O conteúdo da Apostila para o concurso DPE-SC 2018 - TÉCNICO ADMINISTRATIVO contempla as seguintes matérias:

- Língua Portuguesa
- Noções de Informática
- Noções de Contabilidade Pública
- Noções de Administração Pública
- Raciocínio Lógico
- Noções de Direito Civil e Direito Processual Civil
- Noções de Direito Penal e Direito Processual Penal
- Noções de Direito Constitucional
- Noções de Direito Administrativo
- Legislação Institucional da DPE-SC

comprar apostila DPE-SC 2018 Técnico Administrativo - impressa e digital

Concurso DPE-SC 2018

A Defensoria Pública do Estado de Santa Catarina (concurso DPE-SC 2018) abriu um novo concurso público com 12 vagas para profissionais de nível médio e superior.

Os profissionais que forem admitidos devem cumprir jornada de 40h semanais e vão receber vencimento básico de R$ 4.200,00 e R$ 2.400,00, respectivamente, além de R$ 800,00 referente ao vale-alimentação.

Apostila Concurso DPE-SC 2018 - clique abaixo:
Apostila Concurso DPE-SC 2018

São disponibilizadas oportunidades para Analista Técnico (6) e Técnico Administrativo (6), distribuídas nas regiões de Grande Florianópolis, Norte, Oeste, Serrana, Sul e Vale do Itajaí.

As inscrições serão realizadas no endereço eletrônico da Fundatec, fundatec.org.br, no período de 21 de novembro de 2017 a 21 de dezembro de 2017. A taxa de inscrição é de R$ 80,00 e R$ 140,00.

O concurso terá etapas de prova objetiva e prova de títulos para os dois cargos, mais redação para o cargo de nível médio e prova discursiva para nível superior. A prova objetiva terá 70 questões para os candidatos do cargo de Analista Técnico e 80 questões para a carreira de nível médio.

As provas ocorrerão no dia 27 de janeiro de 2018, com duração de 4h30min para o cargo de Técnico Administrativo e no dia 28 de janeiro, com duração de 4 horas, para Analista. Os gabaritos sairão no dia 29 de janeiro e os resultados da prova objetiva estão previstos para 20 de fevereiro.

Detalhes concurso Defensoria SC (DPE SC):
  • Banca organizadora: FUNDATEC
  • Cargos: Analista e Técnico
  • Escolaridade: Nível médio e superior em direito
  • Número de vagas: 12 + CR
  • Remuneração: Até R$ 5 mil
  • Inscrições: 21/11/2017 às 23h59 do dia 21/12/2017
  • Taxa: R$ 140,00 e R$ 80
  • Data da prova: 27 e 28 de janeiro de 2018
  • Edital
Atribuições dos cargos:
 Analista Técnico: 1. Prestar assistência jurídica aos Defensores Públicos; 2. Executar tarefas que envolvam apoio no processamento de processos judiciais e administrativos; 3. Oferecer manifestação aos Defensores Públicos sobre matéria a ele encaminhada; 4. Propor diligências e requisições; 5. Participar de comissões e grupos de trabalho, quando designados; 6. Coletar e registrar informações no sistema de automação judiciário; 7. Realizar ou auxiliar no atendimento dos usuários dos serviços da Defensoria Pública; 8. Efetuar as atribuições necessárias ao suporte aos Defensores Públicos, sempre que solicitados; e 9. Exercer outras atribuições previstas em lei, ato normativo ou inerentes ao cargo. 

Técnico Administrativo: 1. Prestar assistência administrativa aos Defensores Públicos; 2. Executar tarefas que envolvam apoio no processamento de processos judiciais e administrativos; 3. Realizar ou auxiliar no atendimento dos usuários dos serviços da Defensoria Pública; 4. Propor diligências e requisições; 5. Participar de comissões e grupos de trabalho, quando designados; 6. Coletar e registrar informações no sistema de automação judiciário; 7. Prestar as informações necessárias aos Defensores Públicos, quando solicitadas; 8. Efetuar as atribuições necessárias ao suporte aos Defensores Públicos, sempre que solicitadas; 9. Realizar as diversas atividades de cunho administrativo, como atendimento telefônico e por e-mail, organização de malotes e da correspondência, dentre outras; 10. Atuar nas gerencias e secretarias, quando designado, praticando os atos inerentes à atividade do setor; e 11. Exercer outras atribuições previstas em lei, ato normativo ou inerentes ao cargo. 

Comentários
0 Comentários
Nenhum comentário:
Escreva seu comentários

Postagens recomendadas × +